Estrutura

A Irmandade Nossa Senhora do Patrocínio é uma sociedade civil, filantrópica, de direito privado, sem fins lucrativos que tem como finalidade manter a Santa Casa de Misericórdia Nossa Senhora do Patrocínio e, por meio desta, prestar assistência à saúde a todos que a solicitem, possuindo estrutura física e humana para realização da demanda de procedimentos de média complexidade da microrregião Patrocínio/Monte Carmelo composta por 9 Municípios - Patrocínio, Monte Carmelo, Abadia dos Dourados, Coromandel, Iraí de Minas, Douradoquara, Estrela do Sul, Grupiara e Romaria - e aproximadamente 185.000 habitantes.

A Irmandade estabelece que a administração do Hospital Santa Casa de Misericórdia Nossa Senhora do Patrocínio seja realizada pelo Conselho de Administração, eleito em Assembléia Geral, conforme Estatuto, elegendo-se três conselheiros dentre 15 para desempenharem as funções de Provedor, Vice-Provedor e Secretário da Instituição. É escolhido também um profissional de administração para dirigir o hospital, sendo ele responsável pelas ações exercidas no mesmo.

Atualmente a estrutura do Hospital é dividida da seguinte maneira:

  • Assembléia Geral;
  • Conselho de Administração;
  • Conselho Fiscal;
  • Superintendência;
  • Gerência Administrativa e Financeira;
  • Gerência Operacional;
  • Gerência Técnica.

O Hospital Santa Casa de Patrocínio, possui ainda uma Gestão de Apoio aos Serviços de Saúde contando com Comissões e  Comitês de assistência hospitalar, necessários para alcance de metas junto a programas do SUS, geradores de verbas para o hospital.

Capital Humano

  • 498 empregados contratados em regime de CLT;
  • 183 estagiários, sendo: 43 em Técnico Enfermagem; 18 em Enfermagem; 12 em Medicina; 23 em Psicologia; 21 em Nutrição; 17 em Fisioterapia; 36 em Fonoaudiologia; 10 em Administração.
  • 160 médicos autônomos;
  • 03 Fisioterapeutas autônomas.

Formação Escolar dos colaboradores

  • Ensino Fundamental Incompleto: 4%
  • Ensino Fundamental Completo: 7%
  • Ensino Médio Incompleto: 19%
  • Ensino Médio Completo: 54%
  • Ensino Superior Incompleto:  4%
  • Ensino Superior Completo: 12%

Porte das Instalações

A Santa Casa de Misericórdia Nossa Senhora do Patrocínio é um hospital geral, com 158 leitos sendo, sendo 110 destinados a atendimentos de pacientes usuários do SUS. Ocupa um terreno com área de 9.712 m², possuindo 12.270 m² de área construída,  divididos em 4 pavimentos, conforme descrição:

Térreo:

Hospital do Câncer: ocupa a área física da Santa Casa mas possui alvará de funcionamento e CNPJ independentes.

Serviço de Internação da Santa Casa de Patrocínio: funciona em área física do térreo, de segunda a domingo, das 06:00 às 21:00 horas. Neste local são realizadas as internações dos pacientes e também a organização de visitas aos internados, de acordo com o horário estipulado em cada uma das Unidades do Hospital.

Área Externa:

Necrotério: local destinado à guarda de cadáveres.

Setor de Manutenção: destinado à realização de manutenções diversas necessárias na Instituição.

Sala de Treinamentos: local destinado à realização de treinamentos destinados às equipes de trabalho do hospital. É também o local de funcionamento do Projeto Educasus, do Ministério da Saúde.

Depósito de Resíduos: local destinado ao descarte dos resíduos hospitalares da Instituição. Há a segregação do resíduo para que este possa ser recolhido pela empresa terceirizada contratada para tratamento do mesmo.

1º Pavimento:

Pronto Socorro Municipal: instituição pública que ocupa área física alugada da Santa Casa, mas que funciona independente da mesma. Possui alvará próprio de funcionamento, mantido e administrado pela Prefeitura Municipal.

Departamento de Pessoal e Recursos Humanos: setores destinados às atividades de recrutamento, seleção e contratação de profissionais para a Santa Casa de Misericórdia Nossa Senhora do Patrocínio. Funciona de segunda à sexta, das 08:00 às 18:00 horas.

Serviço de Ouvidoria: serviço de atendimento aos clientes internos e externos que desejam realizar reclamações e sugestões sobre a instituição.

Lavanderia: destinada à coleta, processamento e distribuição das roupas utilizadas em todas as unidades do hospital, com condições de higiene e conservação.

Enfermaria Clínica: possui 3 quartos e 8 leitos, sendo: 2 quartos com 2 leitos e 1 quarto com 4 leitos. Esta enfermaria se destina à internação clínica de pacientes do sexo masculino usuários do SUS.

Sala de Reuniões: local destinado a realização de reuniões diversas da instituição.

2º Pavimento:

Central de Compras: suas atividades destinam-se a aquisição de materiais e matérias-primas para o desenvolvimento das atividades da instituição.

Farmácia Hospitalar: utilizada para o armazenamento, controle, dispensação e distribuição de medicamentos e correlatos às unidades hospitalares. 

Central de Material Esterilizado: suas atividades se caracterizam pela limpeza e higienização de artigos e instrumentos médico-hospitalares. Neste setor é realizado o controle, o preparo, a esterilização e a distribuição dos materiais utilizados nos procedimentos hospitalares.

Capela: local de orações aberto a todos os pacientes e visitantes da instituição. 

Cartão de Ponto: setor que realiza procedimentos destinados ao controle da jornada de trabalho, entrada e saída dos colaboradores da instituição. 

Serviço de Arquivo Médico: setor responsável pela organização e arquivamento dos prontuários dos pacientes. É dividido em arquivo ativo, semiativo e ambulatorial, sendo os prontuários guardados por 25 anos.

Gerência de Apoio Operacional: setor destinado ao gerenciamento dos setores operacionais da instituição.

Serviço de Segurança e Medicina do Trabalho: setor destinado ao desenvolvimento de atividades de segurança e medicina do trabalho.

Unidade de Saúde Mental: unidade de internação destinada a pacientes usuários do SUS, Convênios e Particulares que sofrem de algum tipo de transtorno mental. Nesta unidade são realizadas atividades voltadas ao tratamento  da fase aguda da patologi, bem como atividades terapêuticas visando a recuperação do paciente. Esta unidade é composta por 20 leitos dos quais 15 são habilitados para o tratamento de pacientes com transtornos mentais devido ao uso de crack, álcool e outras drogas.

Serviço de Nutrição e Dietética: serviço que realiza assistência nutricional e educação alimentar através da elaboração de dietas e orientações nutricionais para pacientes. É neste setor que se localiza o refeitório, local para os funcionários realizarem suas refeições.

Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH): executa as ações necessárias para a identificação e prevenção das infecções, avaliando constantemente os métodos de assepsia e antissepsia do hospital, garantindo a segurança total dos pacientes. 

Coordenação de Enfermagem: setor destinado ao gerenciamento da equipe de enfermagem, onde se encontra o Responsável Técnico por esta. 

Supervisão de Enfermagem: setor onde são realizadas as atividades administrativas e burocráticas da equipe de enfermagem, coordenado pelo supervisor de enfermagem do dia.

Enfermaria 2º A: enfermaria com 15 quartos e 43 leitos, sendo: 27 leitos para internações clínicas; 8 leitos para internações cirúrgicas e 8 leitos para internações pediátricas.

Enfermaria 2ºB: enfermaria com 7 quartos e 18 leitos, sendo: 12 leitos para internações obstétricas e 06 para internações cirúrgicas (cirurgia limpa). Localiza-se também nesta área, sala destinada para avaliação e cuidados com o recém-nascido.

Central de Unitarização: setor destinado ao fracionamento e a individualização de medicamentos, visando garantir que apenas a quantidade/dose indicada seja administrada ao paciente.

3º Pavimento:

Central Telefônica: setor destinado à instalação e operacionalização do PABX da instituição.

Berçário: destina suas atividades ao cuidado do recém-nascido. Possui 5 leitos dos quais 2 são destinados a atendimento a usuários do SUS.

Apartamentos 3º A:  ala de internação com 14 apartamentos e 14 leitos destinados à internação de pacientes particulares e de convênios.

Enfermaria 3º B: enfermaria com 7 quartos e 18 leitos, sendo: 3 quartos com 2 leitos; 2 quartos com 4 leitos; 1 quarto com 3 leitos e 1 quarto com 1 leito, destinados à internações de pacientes usuários de convênios ou particulares.

Administração: fazem parte deste setor: superintendência, assessoria administrativa, assessoria comercial e assessoria de comunicação. As atividades são voltadas para a gestão hospitalar, ações comerciais, de comunicação e marketing.

UTI Adulto: unidade dotada de sistema de monitorização contínua, que atende pacientes em estado potencialmente grave ou com descompensação de um ou mais sistemas orgânicos que tenham a capacidade de se recuperar com um tratamento intensivo. Possui 18 leitos, todos credenciados SUS.

UTI Neonatal: é a unidade específica para atendimento a recém-nascidos considerados de alto risco de 0 a 28 dias de vida, com monitorização contínua e equipe multidisciplinar disponível 24 horas. Possui 10 leitos, sendo 5 leitos autorizados para atendimento ao SUS pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, 3 de cuidados intermediários e 2 para convênio e particular.

Centro Cirúrgico: setor que visa proporcionar condições tecnológicas, materiais e humanas para a realização do ato anestésico e cirúrgico, interagindo equipes multidisciplinares. Neste local existem 4 salas de cirurgia e 1 sala para recuperação com 5 leitos. Nesta mesma área há uma sala devidamente equipada destinada à realização de parto normal.

Pré-parto: setor específico para o atendimento médico e de enfermagem durante o trabalho de parto. Possui 4 leitos e uma sala destinada a  realização de pequenos procedimentos e preparo da paciente.

Tesouraria: as atividades deste setor são voltadas para o pagamento a fornecedores e recebimentos dos serviços hospitalares prestados. Realiza assessoria financeira, controlando as o movimento financeiro (receita, despesas, fluxo de caixa e saldo de bancos) e prestando contas à contabilidade.

Faturamento: setor responsável pela gestão das contas hospitalares, sejam elas convênios, particulares ou SUS.

Contabilidade: neste local são elaborados os balancetes, balanços e demonstrações do movimento por contas ou grupos de contas, visando apresentar resultados gerais da situação patrimonial, econômica e financeira do hospital.

Custos: serviço responsável pela gestão e controle dos custos hospitalares. Se localiza no mesmo espaço que o setor de contabilidade.

Estatística: setor responsável pela utilização das técnicas do controle estatístico da instituição e análise dos indicadores hospitalares. A finalidade é fornecer dados para a avaliação da instituição e eficiência dos serviços prestados, bem como controle dos processos do hospital.

Central de Processamento de Dados (CPD): as atividades desse setor voltam-se para a gestão dos sistemas de informações utilizados no hospital e do sistema de internet utilizado. Também é responsável pela manutenção e instalação dos computadores de todos os setores do hospital bem como dos softwares utilizados.

Auditoria Hospitalar: setor que desenvolve suas atividades pautadas na análise de contas hospitalares, análise do prontuário do paciente e emissão de parecer, visando evitar o desperdício de recursos financeiros na instituição.

Centro de Diagnóstico por Imagem: setor destinado à realização de exames de imagem, para atendimento aos pacientes internados e ambulatoriais usuários de convênios, particulares e SUS. É composto por: 3 salas para radiodiagnóstico; 1 sala para digitação e emissão de laudo; 2 salas de espera; 1 sala para densitometria óssea; 2 salas para realização de ultrassonografias; 1 sala para realização de mamografias; 1 sala para realização de tomografias com 1 sala de recuperação para pacientes que realizam este exame; 1 sala para realização de exames de endoscopia digestiva com 1 sala de recuperação para pacientes que realizam este exame; 1 sala para realização de teste ergométrico; 1 sala para realização de eletrocardiograma e 1 sala de espera com recepção.

Laboratório – Sala de Coleta: setor destinado ao uso do laboratório de análises clínicas terceirizado pela instituição. Realiza atividades de coleta de materiais de pacientes internados e ambulatoriais.

Agência Transfusional: suas atividades são realizadas sob retaguarda do Hemocentro de Uberlândia, sendo: realização de transfusões, com exames imunohematológicos do receptor; realização de prova de compatibilidade; realização do ato transfusional de sangue e hemocomponentes autólogos e homólogos; verificação se os produtos utilizados estão dentro das normas vigentes; realização da manutenção dos registros de todas as etapas das atividades, que permita avaliação da qualidade do processo.

Serviço Social e Serviço de Psicologia: serviços destinados ao atendimento dos pacientes e acompanhantes, além da realização de todas as questões burocráticas relativas a estes serviços.

Pronto Atendimento: setor destinado a identificação das pessoas que circulam pela instituição e também para atendimentos diversos de urgência/emergência, consultas, observações, pequenas cirurgias e demais procedimentos ambulatoriais. É composto por: 1 sala para atendimento à urgências/emergências totalmente equipada para este tipo de acolhimento; 1 sala de medicação; 2 salas para atendimento de consultas diversas; 1 sala para atendimentos ortopédicos e traumatológicos; 1 sala para realização de curativos; 1 sala para atendimentos obstétricos; 1 sala para atendimentos de otorrinolaringologia; 1 sala para realização de pequenas cirurgias; 4 quartos com 8 leitos totais para observações de até 12 horas; 1 quarto destinado a descanso de residentes médicos; 2 quartos para acomodação de médicos de plantão; 1 sala destinada aos médicos; Posto de Coleta de Leite Humano.

É importante lembrar que a estrutura da Santa Casa se adequa ao atendimento de portadores de deficiências, além de estar totalmente adequada para o tráfego de macas e cadeiras de rodas.